domingo, 6 de abril de 2008

Comunicação X "Alienação do Público"

Através do sistema de globalização os leitores recebem muita informação, não sabendo o que fazer com elas.
Atualmente, a situação no Brasil é de exclusão, quase absoluta do público, com um modelo que atende exclusivamente aos interesses comerciais de grandes grupos econômicos. Segundo o Conselho Nacional de Cineclubes Brasileiro, informa que mais de 90% da população é eliminada da compreensão das informações lançada nas mídias, estabelecendo um modelo elitista de exclusão.
Esta situação prejudica a cultura e fere diretamente os interesses e os direitos do público.
Para mudar essa situação, precisamos diminuir a alienação do público ao consumismo desenfreado “como uma obrigação”. Todas as pessoas têm direito a receber informações sobre o que consomem sem ser feita uma “lavagem cerebral”, expressando-se e tornando público suas próprias opiniões. Não há humanização sem uma verdadeira comunicação.
A formação do público é a condição fundamental, para que se permita à expressão do indivíduo e da comunidade as novas tecnologias devem ser utilizadas como aspirações e possibilidades de um desenvolvimento geral das faculdades criativas para evitar a alienação dos espectadores.
Os espectadores têm o direito de organizar-se de maneira autônoma para a defesa de seus interesses. Com o fim de alcançar este objetivo, e de sensibilizar o maior número de pessoas para as novas formas de expressão. O público tem direito a informação correta, os meios de comunicação devem apresentar à veracidade dos fatos e não a informação manipulada.

4 comentários:

tatianamartins disse...

Oi miga, quero dizer, que opúblico realmente tem que ter respeito, ao que diz a informação, pois não respeitam nossos direitos, nos mandando informações manipuladoras, que contradizem com a verdade, um grande beijo

Rodrigo Mônaco

tatianamartins disse...

tati, depois que o houve o grande bum da Globalização, ela é a grande responsável, pelo dissernimento das informações, pois não são os jornalistas que os manipulam,mas sim quem detêm o poder

Thiago C. Oliveira

tatianamartins disse...

tati, as pessoas precisam, ter maior conhecimento das coisas, mas com qualidade. Ao contrário, as empresas, não as interessam, o que espectador quer, e sim, o múmero audiência. Talvez, a verá mudança, se a população se mobilizassem, como fazem na copa do mundo, pelos seus direitos. Um grande beijo
Henriqueta Dominique Heringer Sanchaslst

Bruno disse...

As vezes não sei se o que vejo é informação, ou apenas um ring de emissoras rivais. Na verdade, o público é que sai a mercê desse ring!!!